Seguidores

TRADUTOR

quarta-feira, 12 de março de 2014

TUDO ESPERO DO MUNDO





Do mundo tudo eu espero,
dentro do tudo o nada está incluído,
aliás é o nada que mais surpreendia,
mas agora não mais,
normal o rosto para outro lado virar, 
fazer de conta que não acontece,
usar a mão para com o dedo apontar,
julgar para se justificar,
a culpa em cima de alguém jogar,
para o peso das costas aliviar.


Neste mundo me surpreende,
aquele que os braços abrem,
que as mãos estendem,
que escutam e compreendem,
que olham e veem,
que não questionam o ontem,
mas se interessam pelo hoje,
pois sabem,
 que é no presente,
que se planta um amanhã melhor.

Estes me surpreendem,
pois são raros na espécie humana,
são uma minoria,
pois a grande maioria,
ou não tem consciência,
ou seus valores estão invertidos.


Neste mundo nada mais me surpreende,
nem comigo me surpreendo,
pois é fácil falar como faço,
mas será que realmente faço algo concreto?

Luconi

12-03-2014

9 comentários:

  1. .
    ..........((((,,
    ....¸,o¤°``°¤o,¸
    ...(....©¸¸©....)
    ...oOO—*—OOo.... B E S I T O S...
    .....((¯`✿´¯))
    ....oI `•¸.•*`Io
    .......|__|__| ..
    .......°°°..°°°
    ★MaRiBeL★

    ResponderExcluir
  2. As palavras acompanham a evolução e sempre vamos em busca das respostas mais iluminadas! abraços

    ResponderExcluir
  3. Linda reflexão que provoca a todos nós. Todos sabemos o certo e errado, será que sempre somos boazinhas , ajudamos realmente como pensamos ou passamos a ideia aos outros? Todos temos defeitos e erramos e muiiiiiito! Linda inspiração! bjs,chica

    ResponderExcluir
  4. Respeitando os limites do outro significa que estamos respeitando os nossos também.Não somos infalíveis e erramos constantemente como constantemente temos a oportunidade de consertar nossos erros,mas vivemos uma realidade de dois pesos e duas medidas em que é mais fácil julgar e condenar antes que analisar,ponderar,enfim, sem rancor simplesmente perdoar.
    Cada um é livre para dizer o que quer e como quer,porém a maioria não aceita ouvir o que não quer,o que não está de acordo com o próprio pensamento e aí vive apontando defeitos nos outros sem perceber o quanto erra também.Autoconhecimento,analisar cada um suas próprias ações antes de qualquer coisa,principalmente antes de querer condenar alguém,,,Grande abraço Luconi e obrigada por esta estimulante mensagem para nossas reflexões pessoais.Bom dia!

    ResponderExcluir
  5. Bom dia minha querida Luconi (será que realmente faço algo de concreto)
    quantas vezes nos fazemos esta pergunta durante nossa tragetória ,as vezes pensamos planejamos olhamos os outros fazerem algo e nada fazemos,,,,mas por que será,falta de amor ,talvez de fé
    um insentivo um novo rumo uma esperança a brotar no coração não importa o porque o importante é fazer algo urgente sem deixar para aMANHÃ que o amanhã nunca sabemos se existirá bjs marlene

    ResponderExcluir
  6. Luconi, pois eu ainda me surpreendo com algumas atitudes do ser humano! Uma bela poesia que nos convida a meditar sobre nossos atos tb! bjs,

    ResponderExcluir
  7. Oi Luconi,
    Que bela reflexão nos deixas! É muito fácil apontar o dedo para os erros dos outros, condenarmos, quando, antes de julgarmos nosso semelhante, deveríamos avaliar nossas atitudes e ações.
    Sim amiga, estou bem, com a graça de Deus! Obrigada pelo carinho de sempre!
    Terno abraço, amiga querida.
    Paz e luz!

    ResponderExcluir
  8. Oi Luconi! Eu também ainda fico perplexa com a estranheza do ser humano. Porém, estou treinando a liberdade para ver só o que for elegante e saudável. Beijo e ótimo fim de semana!

    ResponderExcluir
  9. Infelizmente Luconi cada vez mais as pessoas se tornam indiferentes a quem as rodeia.
    Belissimo e sentido poema.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir

SEJAM BEM VINDOS SEU COMENTÁRIO É UM INCENTIVO E CARINHO

LUCONI